Insurgente | O Filme | #BEDA5

Heey pessoas!!.

 

Sábado passado (28/03) fui conferir a adaptação literária do segundo livro da Veronica Roth, Insurgente.

Só pelo trailer eu percebi que eles não seriam tão fieis ao livro, e já notei várias mudanças.. o cabelo da Tris, que não é tão curto assim no livro, as simulações, e tecnicamente o foco central dessa parte da história, e afins.

wpid-wp-1427824270592.jpeg

Bom…em relação ao filme em si, eu ainda não sei dizer se eu gostei ou não, porque eu fiquei meio confusa sobre as mudanças e os cortes que eles fizeram.  Na minha opinião, algumas mudanças foram super bem vinda, e outras não.

No livro, a autora dá bastante importância para os personagens secundários, e eu não vi essa tal importância no filme, não senti que nenhum deles teve um destaque, e isso, pra mim, prejudicou muito na interpretação da história, porque essa participação a mais dos personagens secundários tem certo impacto na história. Até mesmo do Tobias, que mesmo tendo uma SUPER participação, eles deixaram muitas coisas relacionadas a ele de fora.

Outra coisa que senti falta foi uma cena entre Tobias e ao pai dele (que não vou falar aqui caso você leitor não tenha lido o livro), que é realmente muito marcante e eles simplesmente não colocaram, nem fizeram uma relação, nada, e isso me decepcionou. Porque essa cena é algo que mostra tanta coisa a respeito do personagem, e eles nem fizeram questão.

Há cenas em que são bem fiéis ao livro, mas mesmo assim eu senti que eles não souberam explorar tão bem assim. Gente, sim, eu sou chata, mas tem certas coisas que pra mim tem um mega significado na história, e os produtores/diretores/roteiristas não dão tanto foco nos detalhes.

Dá pra sentir também uma mega diferença nos efeitos especiais e na fotografia do filme. Insurgente ficou mil vezes mais moderno do que Divergente, é nítido o quanto a tecnologia (na própria história) ficou bem mais avançada, e os efeitos especiais das simulações são fantásticos, mas ficou muito distante das simulações do filme anterior. Mas dou nota 10 para os efeitos, sério, são muito bons.

wpid-wp-1427824279376.jpeg

E a Shailene é uma ótima atriz, de verdade. A gente pode não perceber isso o filme todo, mas tem sempre uma cena X que faz a gente sentir o que a personagem ta sentindo. No primeiro filme eu fiquei mega emocionada com a cena em que a mãe da Tris ta morrendo, e ela chora/grita e é muito forte, é como se fosse real de verdade. E nesse filme também teve uma cena em que a atuação da Shai foi realmente muito boa e fiquei emocionada.

Uma coisa que notei é que a maior parte das cenas de ação (as fodasticas), estão dentro das simulações da Tris, e isso me deixou triste… claro que tem um montão de cenas de ações no filme, mas as mais tops estão “na cabeça da Tris”.

Bom, senti falta de muitas partes do livro na adaptação, mas ok. E eu não consigo entender umas modificações que eles fazem, principalmente quando elas tendem a mudar a continuação dos fatos que vão acontecer na continuação da história. Quero ver como vão resolver isso no próximo filme.

Quem ainda não assistiu, deem uma olhadinha no trailer:

E acho que é isso pessoas, acredito que eu tenha gostado bem mais de Divergente do que Insurgente, mas eu ainda estou tentando absorver o filme. Mas ele não é de um todo ruim e nem de um todo bom, ele é normal.

E como sempre, eu acho que vocês devem conferir a adaptação, para terem suas próprias conclusões e fazerem as comparações.

 

Beijinhos e até a próxima!!.

Anúncios

3 comentários

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s